Plano de Marketing: o que é, quais os tipos e as etapas

Guia Completo de Plano de Marketing Com Todas as Etapas Para o Sucesso da Sua Indústria!

Um plano de marketing é relevante para as empresas justamente porque a comunicação, além dos salários dos funcionários, é um dos maiores gastos de uma empresa. Por isso, empresários e gestores precisam ter a certeza  que cada real gasto em marketing tenha o retorno de investimento esperado.

O grande problema é que muitos negócios aplicam estratégias sem antes elaborarem um planejamento. Quando isso ocorre, a empresa gasta muito dinheiro e não alcança um resultado positivo.

Caso a estratégia funcione, pode-se afirmar que se trata apenas de um golpe de sorte. Entretanto, quem trabalha na área sabe que não se pode contar com o destino na hora de realizar a gestão de um negócio. É preciso traçar os objetivos de marketing para que uma companhia possa crescer de maneira saudável e constante.

Portanto, ter um plano de marketing é um instrumento vital para qualquer negócio, seja ele pequeno, ou de grande porte. Muitas vezes, criar um pode ser desafiador. Por outro lado, abrir mão dessa ferramenta é um risco que nenhum empreendimento pode correr.

Com ele disponível, é mais simples alinhar a equipe em torno do mesmo objetivo. Hoje, há vasto material publicado por especialistas que confirmam a eficácia de um bom planejamento de marketing.

O que é plano marketing?

Um plano de marketing é um roteiro que as empresas utilizam para organizar, executar e acompanhar suas estratégias de marketing durante certo período de tempo. Eles podem incluir diferentes estratégias, como os planejamentos de comunicação online e off-line. Entretanto, todas elas apontam para o mesmo objetivo.

Em resumo, um plano de marketing é a organização e o detalhamento das estratégias de uma empresa. O objetivo dele é manter uma companhia com o foco em certas ações de comunicação. Com isso, acaba sendo mais fácil verificar se a companhia está seguindo pelo caminho certo ou não.

Ao criar um planejamento, um gestor irá pensar em cada detalhe de uma campanha ou ação de vendas. Nele, será anotado o orçamento, a missão, o que é necessário e quais são os resultados esperados. Com todas essas informações organizadas em um único documento, torna- se muito mais simples avaliar o sucesso de cada estratégia.

Quais os tipos de planos de marketing?

O plano de marketing pode ser dividido de diversas formas. Dentre elas, as principais são: estratégico, tático e operacional.

Tipos de Planos de Marketing:

Plano de marketing estratégico;
Plano de marketing tático;
Plano de marketing operacional.

Plano de marketing estratégico:

Analisa tanto os objetivos de longo como de curto prazo que uma empresa deseja alcançar. Este tipo de plano também leva em consideração a atual situação financeira da empresa, bem como as tendências do mercado.

Este é considerado um documento vivo, o que significa que ele nunca é definitivo. A fim de permanecer bem-sucedida, a empresa deve atualizar regularmente seu plano estratégico de marketing com novas ações e ideias. Como a posição do empreendimento, as tendências do setor, assim como o comportamento do consumidor

Plano de marketing tático:

Tem o foco na implementação de técnicas específicas que podem ajudar uma empresa a atingir seus objetivos de marketing. Muitas vezes envolve a realização de atividades pontuais, como publicação de posts em blogs, realização de campanhas em redes sociais, captação de leads e realização de eventos.

Plano de marketing operacional:

É baseado no que já está delimitado no plano estratégico. Ele serve para que a empresa organize suas ações concretas.

Essas ações podem ser adaptadas ao longo do tempo de acordo com os resultados e o feedback dos clientes.

Antes de realizar tais ações, a empresa necessita implementar as etapas abaixo:

1.     Pesquisa de mercado destinada a compreender as questões do mercado;

2.     Marketing estratégico para definir uma direção geral e objetivos de longo prazo;

3.     Marketing operacional para organizar os objetivos em pontos concretos e o cronograma das ações.

É por meio do marketing operacional que uma empresa vai atingir os objetivos destacados no plano de marketing estratégico. Nessa fase, serão definidas as ações de comunicação que necessitam ser realizadas. No plano operacional também há metas para tópicos, como vendas e conhecimento da marca por parte do consumidor.

Como fazer um plano de marketing?

Existem alguns tópicos que não podem faltar em nenhum plano de marketing. Eles são:

  • Informações da empresa;

Local, a missão, quem está na equipe de marketing.

  • Introdução;

O que a empresa espera alcançar e como realizar esse plano.

  • Análise Competitiva;

Análise Swot

Quais são os pontos fortes, fracos, as oportunidades e ameaças.

  •  Público-alvo.

Definir, com a ajuda de um CRM, para quem a empresa deseja vender.

  • Jornada de compra.

Quando, como e onde os clientes compram.

  • Proposta única de vendas.

Explicar o que diferencia a empresa da concorrência.

  • Marca

Descrever como a marca da empresa é percebida atualmente e como os gestores gostariam que ela fosse percebida no futuro.

  • Site e redes sociais.

O que deve ser melhorado na comunicação online.

  • Canais de Marketing.

Destacar como a empresa vai utilizar canais como redes sociais, blogs, e-mail marketing, entre outros.

Mostrar como será trabalhada a estratégia de search engine optimization.

  •  KPIs

Detalhar como será acompanhada a evolução do plano de marketing.

Quais as três etapas do plano de marketing?

Um plano de marketing é geralmente dividido em três etapas distintas. Na primeira, a empresa descreve os objetivos que deseja atingir. Nesse estágio, é feita a análise SWOT, por exemplo. Em seguida, é a vez de colocar o que está no plano em ação. Por último, na terceira fase, é verificado se o trabalho desenvolvido gerou resultados. Isto, por sua vez, permite que a gerência de marketing seja capaz de medir também o seu desempenho por meio do feedback dos clientes.

Portanto, um plano de marketing está baseado em três fases:

Três etapas do plano de marketing:

1. Planejamento;
2. Implementação;
3. Avaliação.

1 – Planejamento

A fase de planejamento é a mais importante, pois verifica os pontos fortes e fracos, a concorrência externa, as mudanças no comportamento do consumidor e do segmento, e fornece um quadro geral do estado da organização.

2 – Implementação

A fase de implementação é a parte de ação do plano. Se a empresa não puder executar o que foi determinado nas fases iniciais, então as horas gastas no planejamento foram desperdiçadas. Entretanto, se o planejamento foi estruturado de forma adequada e competente, então o programa pode ser posto em prática.

3 – Avaliação

Esta é a chamada fase da verificação. Este processo envolve assegurar que os resultados do plano estejam de acordo com as metas estabelecidas. Toda a equipe de marketing, sobretudo os gerentes, devem observar qualquer desvio nos rumos do plano.

Se há uma crise com um fornecedor na China, por exemplo, o lançamento de um produto deve ser adiado. Por outro lado, se há muita demanda por algum produto ou serviço, talvez seja o momento de alocar mais recursos em determinada ação de vendas.

Porque o plano de marketing é importante para sua empresa?

Ter um plano de marketing é fundamental para identificar o mercado-alvo e fazer com que um produto ou serviço possa ter maior alcance. Com ele, pode-se até fazer um marketing para indústrias eficiente. Além disso, ele é importante não somente para atrair novos clientes, como também para estabelecer metas, definir orçamentos e verificar o retorno dos investimentos.

Conclusão

Por mais que existam melhores práticas, um plano de marketing não é uma receita infalível. Uma empresa pode segui-lo à risca, e mesmo assim encontrar dificuldades. Por isso, ele é tão importante. Muito mais do que apontar o caminho do sucesso, o plano serve para que a empresa possa verificar as dificuldades existentes em seu segmento.

Deixe um comentário

11 − cinco =