Gestora acompanhando demonstrações financeiras

O Que São Demonstrações Financeiras, Como Fazer E Importância

Imagem de Sanon Matias

As demonstrações financeiras são relatórios contábeis de uma empresa. Elas são necessárias por vários motivos – cumprir obrigações exigidas pela Receita Federal, auxiliar a tomada de decisão e dar ao gestor ampla visão sobre a vida financeira do negócio.

É possível otimizar essa gestão financeira do seu negócio e tomar decisões mais embasadas com um sistema integrado e eficiente, como o ERP da WebMais. Solicite uma demonstração gratuita agora mesmo para facilitar seus demonstrativos.

Para entender melhor o que são as demonstrações financeiras e a sua importância, preparamos este conteúdo. Ele traz também uma lista com os principais documentos que precisam ser emitidos pelas empresas. Acompanhe!

BANNER GERAL Estoque, compras, financeiro e muito mais com o ERP WebMais

O Que São Demonstrações Financeiras?

Demonstrações financeiras são relatórios contábeis emitidos por uma empresa. Eles tem o objetivo de detalhar a sua situação financeira.

A partir disso, é possível controlar uma série de informações sobre as finanças do negócio, entendendo se ele opera no vermelho ou dá lucro, além de outras coisas.

Algumas demonstrações financeiras são obrigatórias e têm a sua frequência de emissão definida pela Receita Federal – normalmente aquelas relacionadas aos impostos. Alguns exemplos são o Balanço Patrimonial, a DRE e a Demonstração de Fluxo de Caixa.

Mas, além de cumprir a obrigação, a empresa pode elaborar essas demonstrações com uma frequência maior do que a exigida por lei. O objetivo é fazer uma análise minuciosa sobre as finanças ou até mesmo prestar contas internamente, para sócios, acionistas e gestores.

Qual A Finalidade Das Demonstrações Financeiras?

As demonstrações financeiras, como falamos, servem para diversos fins:

  • prestar contas para a Receita Federal;
  • auxiliar o governo na cobrança de impostos;
  • evitar fraudes e crimes de sonegação fiscal;
  • dar ao gestor uma visão geral sobre a saúde financeira da empresa;
  • ajudar na tomada de decisão;
  • permitir que o gestor tenha mais controle sobre o fluxo de caixa;
  • facilitar a obtenção de insights que podem ser muito valiosos para os negócios.

Qual A Importância Das Demonstrações Financeiras Para As Empresas?

É por meio da análise das demonstrações financeiras que os gestores de uma empresa podem tomar decisões mais inteligentes sobre o futuro do negócio.

E isso se aplica a todas as áreas, e não somente à financeira. Afinal, toda a empresa deve funcionar com o objetivo de gerar lucro.

As demonstrações financeiras também são importantes para empresas que buscam crédito, pois servem como comprovação de renda e de capacidade de pagamento.

Como já falamos, elas também são usadas como forma de prestar contas a acionistas, investidores e sócios. Isso porque nem sempre todos estão presentes no dia a dia do negócio. Isso facilita a sua visão sobre a saúde financeira da empresa.

Só por estar constantemente registrando informações e juntando dados para a confecção de demonstrações financeiras já torna o controle sobre as contas da empresa muito maior. O conhecimento dos gestores sobre o funcionamento do negócio também impacta.

Quais Os Principais Tipos De Demonstrações Financeiras?

Agora, já mostramos o que são demonstrações financeiras e qual é a sua importância para a empresa. Então, vamos apresentar os seus principais tipos e falar um pouco sobre cada um deles!

Balanço Patrimonial

A principal demonstração financeira é o Balanço Patrimonial. Isso porque é por meio dele que a empresa consegue mostrar a sua situação atual de forma realista e avaliar o seu patrimônio.

O documento é formado por duas colunas, uma para os passivos e outra para os ativos. De um lado são listados todos os compromissos financeiros da empresa, ou seja, os valores a serem pagos. Do outro, é colocado tudo o que gera valor.

A diferença entre o ativo e o passivo é o patrimônio líquido. O Balanço Patrimonial é obrigatório e deve ser confeccionado, pelo menos, uma vez por ano.

Ilustração com tipos de demonstrações financeiras

DLPA

A Demonstração dos Lucros ou Prejuízos Acumulados (DLPA) é uma demonstração financeira obrigatória para algumas naturezas jurídicas, como as sociedades limitadas. No documento, devem estar discriminados:

  • o saldo do início do período e os ajustes de exercícios anteriores;
  • reversões de reservas;
  • lucro líquido do exercício;
  • transferências para reservas;
  • dividendos;
  • parcela de lucros incorporada ao capital;
  • saldo do fim do período.

DVA

A Demonstração de Valor Adicionado (DVA) é um documento que informa quais foram as riquezas geradas pela empresa em um período específico. O seu objetivo é facilitar a avaliação do papel da empresa para o desenvolvimento social e da economia em geral.

Fluxo De Caixa

O Fluxo de Caixa é o registro de todas as movimentações financeiras que aconteceram na empresa em um determinado período. Ele deve considerar tanto as entradas e saídas do caixa interno como as aplicações financeiras e contas bancárias.

Assim, a gestão consegue saber exatamente onde os recursos foram aplicados e quais foram os seus principais gastos. Além do melhor controle, a confecção desta demonstração financeira ajuda a tomar decisões orientadas por dados.

DRE

A DRE, ou Demonstração de Resultados do Exercício, também é uma das demonstrações financeiras mais importantes da empresa. Ela apresenta, de forma resumida, todo o resultado obtido pela empresa em um determinado período.

Como ela deve ser confeccionada, obrigatoriamente, pelo menos uma vez por ano, o mais comum é que se analise os últimos 12 meses. Mas, também é possível ter DREs de períodos menores, caso os gestores queiram ter maior controle sobre as finanças.

A DRE deve ter:

  • a receita bruta das vendas;
  • deduções e abatimentos das vendas;
  • impostos;
  • receita líquida das vendas;
  • lucro bruto;
  • custo das mercadorias;
  • despesas financeiras e com as vendas;
  • lucro ou prejuízo operacional;
  • resultado do exercício antes do Imposto de Renda e a provisão para ele;
  • lucro ou prejuízo líquido do exercício e o seu montante por ação do capital social.

Notas Explicativas

As notas explicativas são documentos que fornecem informações para o esclarecimento da situação da empresa e podem estar relacionadas a qualquer um dos demonstrativos financeiros.

Normalmente, elas são usadas para divulgar informações exigidas pelo governo e que não estejam em nenhuma outra parte dos documentos. Além disso, fornecem informações adicionais ou indicam informações sobre a base de preparação das demonstrações financeiras.

Como Fazer A Análise Das Demonstrações Financeiras?

Chegou o momento de aplicar o que você sabe sobre as demonstrações financeiras. Para isso, separamos três dicas importantes para adicionar em seus documentos.

Identificar Tendências

As demonstrações financeiras não apenas refletem as transações passadas da empresa, mas também desempenham um papel fundamental ao fornecer insights sobre seu desempenho futuro.

Ao analisar esses relatórios, é possível identificar tendências e padrões que podem orientar decisões estratégicas, como investimentos, cortes de custos e mudanças operacionais.

Aproveitar essa perspectiva abrangente dos demonstrativos permite uma visão mais precisa e informada da saúde financeira da empresa. Com base nesses dados, você pode tomar decisões mais assertivas e embasadas, antecipando cenários futuros e ajustando sua estratégia de acordo.

Ilustração com gestor analisando demonstrações financeiras

Use Mais De Um Tipo De Demonstração

Ao lidar com a administração financeira do seu negócio, é importante não economizar na utilização de diferentes tipos de demonstrações financeiras. Assim, você terá uma visão abrangente e mais completa da situação econômica.

Essa abordagem ampla permite cumprir adequadamente as obrigações fiscais e também fornece informações cruciais para tomar decisões assertivas no desenvolvimento da empresa.

Isso porque a combinação de uma variedade de demonstrativos ajuda a identificar tendências, pontos fortes e áreas de melhoria, permitindo tomar medidas corretivas e oportunas.

Cruze Informações

Realize comparações entre as informações contidas nas diferentes demonstrações financeiras. Além disso, faça uma análise cruzada com dados de mercado, cenário político e econômico, e outros fatores relevantes do período em análise.

Essa abordagem fornece um contexto abrangente e aprofundado para uma melhor interpretação dos dados, permitindo embasar suas ações.

Ao comparar as informações e contextualizá-las com outras externas, como tendências do mercado e indicadores econômicos, você obtém uma visão mais completa e atualizada da situação da sua empresa.

Essa análise abrangente fornece insights valiosos para identificar oportunidades de crescimento, riscos potenciais e áreas que requerem atenção especial.

Além disso, a comparação entre as demonstrações financeiras auxilia na detecção de inconsistências ou padrões que indicam erros ou áreas que necessitam de ajustes.

Os Demonstrativos São Obrigatórios?

As demonstrações financeiras têm uma parte obrigatória relacionada aos impostos. Dessa forma, servem como base para a análise fiscal da empresa em relação à geração de recursos, pagamento de impostos e conformidade com o regime tributário escolhido.

No entanto, além disso, elas são essenciais para uma gestão empresarial eficaz e para o sucesso do negócio. Afinal, proporcionam transparência sobre a atividade realizada, atraindo investidores, informando stakeholders e demonstrando credibilidade.

Sem mencionar que esses documentos também viabilizam linhas de crédito e financiamentos bancários para investir no que for necessário para o seu crescimento.

Dicas Para Fazer Os Demonstrativos Financeiros

Até aqui você já aprendeu muito sobre as demonstrações financeiras, agora é o momento de elaborá-las usando algumas dicas para garantir a máxima qualidade e eficácia.

Use A Linguagem Acessível

No universo financeiro e contábil, existem jargões especializados que não são amplamente compreendidos. Ao criar relatórios e demonstrativos, é essencial usar uma linguagem clara e acessível, pois nem todos os envolvidos na empresa estão familiarizados com os termos financeiros.

Ou seja, simplifique as informações nas suas demonstrações financeiras sempre que possível para garantir que sejam compreendidas pelos leitores.

Tenha Uma Estrutura Lógica Das Informações

Ao criar os demonstrativos, é fundamental organizar as informações de maneira lógica e clara. Embora não exista uma ordem específica, é recomendado estabelecer uma estrutura coerente para apresentar os resultados.

Além disso, é essencial separar adequadamente as informações relacionadas a lucros e prejuízos. Dessa forma, evita-se qualquer ambiguidade ou confusão na interpretação dos dados pelos usuários.

Portanto, ao compilar as demonstrações financeiras, certifique-se de que tenha uma compreensão fácil e precisa das informações contidas nos relatórios.

Ilustração com 5 dicas para fazer seus demonstrativos financeiros

Foque No Que Realmente Importa

Os demonstrativos contábeis contêm uma grande quantidade de informações importantes para os contadores e profissionais financeiros.

No entanto, para aqueles que não são especialistas nessa área, o foco está nos números-chave que realmente têm impacto nas decisões de investidores, gestores e proprietários de empresas.

Ao elaborar e compilar os demonstrativos, é fundamental adotar uma abordagem estratégica e pensar como um gestor. Isso significa destacar as informações essenciais para a tomada de decisões e o desenvolvimento de planos de ação eficazes.

Ao apresentar apenas os dados relevantes, você fornece uma visão clara e concisa para os stakeholders, aumentando a precisão e a valorização das informações entregues.

Mantenha Os Dados Sempre Atualizados

Ao preparar os resultados para análise pelo comitê gestor da empresa, é crucial estar atento à frequência dessa revisão. Assegure que todas as informações relevantes estejam incluídas nas análises apresentadas.

É de extrema importância evitar a apresentação de dados desatualizados, pois isso pode ter um impacto negativo tanto no seu trabalho quanto nas decisões tomadas pela empresa. Portanto, é essencial garantir a atualização contínua das informações.

Além disso, todos os colaboradores do setor financeiro/contábil devem estar familiarizados com os processos de produção dos relatórios, a lógica subjacente e os dados utilizados.

Esse entendimento permite que todos contribuam para a qualidade das demonstrações financeiras apresentadas, promovendo a confiança e a precisão das informações disponibilizadas.

Invista Em Recursos Tecnológicos

Os sistemas como o ERP da WebMais visam auxiliar contadores e outros profissionais. Eles oferecem automação de processos, resultando em análises financeiras mais rápidas e precisas.

A adoção de soluções tecnológicas é essencial para modernizar a gestão contábil e agilizar a elaboração de demonstrações financeiras e relatórios.

A atualização da contabilidade empresarial para a era moderna vem com o uso da tecnologia, tornando os processos mais eficientes.

Ao implementar sistemas contábeis avançados, é possível otimizar tarefas, reduzir erros manuais e obter uma visão mais clara das informações financeiras.

Esses benefícios, por sua vez, permitem tomar decisões mais embasadas, impulsionando o sucesso e o crescimento das empresas. Isso porque a automação melhora seu desempenho financeiro de forma substancial.

Qual A Melhor Demonstração Financeira?

Algumas demonstrações financeiras são obrigatórias, atendendo tanto às necessidades fiscais quanto à gestão eficaz da empresa.

No entanto, além dessas obrigações, é importante identificar os documentos que são mais relevantes para a realidade do seu negócio e as informações essenciais para o planejamento empresarial.

Ao compreender essas necessidades específicas, você pode utilizar os demonstrativos financeiros de forma estratégica, impulsionando o sucesso e a sustentabilidade do seu empreendimento.

Como Analisar Demonstrações Financeiras Da Empresa?

Para realizar uma análise eficaz das demonstrações financeiras da empresa, é importante seguir algumas etapas:

  1. Primeiro, verifique se os dados estão em conformidade com as normas e regulamentos vigentes;
  2. Em seguida, faça os ajustes necessários e processe os dados para calcular os indicadores das demonstrações contábeis;
  3. Analise os resultados comparativamente ao mercado e considere o contexto atual do setor financeiro.
BANNER Todos os principais relatórios para sua indústria ou distribuidora estão no ERP WebMais

Conclusão

As demonstrações financeiras, além de obrigatórias, são documentos fundamentais para os gestores terem uma visão geral sobre as finanças da empresa. Então, com isso, poderem ter maior controle e tomar decisões com base em dados.

Para essas demonstrações serem confeccionadas sem erros e com mais agilidade dentro da empresa, mantenha os dados sempre atualizados sobre as movimentações financeiras e tenha a tecnologia como aliada.

A adoção de um sistema que armazene e organize esses dados certamente fará toda a diferença no processo.

Para auxiliar nesse processo, conte com o ERP da WebMais, completo e integrado, desenvolvido especialmente para facilitar a gestão contábil e financeira das empresas.

Solicite uma demonstração gratuita e descubra como pode otimizar suas operações e potencializar seus resultados com essa solução.

Deixe um comentário