O estoque máximo vai equilibrar seu controle de materiais

Saiba O Que É Estoque Máximo E Principais Vantagens

Imagem de Sanon Matias

Determinar o estoque máximo da empresa é uma forma de manter equilibrada a gestão desse ativo tão importante, evitando problemas e gastos desnecessários.

Quando são comprados produtos em excesso, o espaço para o armazenamento pode ser prejudicado, assim como o capital de giro do negócio.

É por isso que conhecer o nível de estoque máximo é tão importante! Neste post, você conhecerá melhor esse conceito e os problemas que essa prática pode evitar.

Acompanhe o artigo! Se quiser pular logo para a ação, agende uma demonstração gratuita do ERP da WebMais e facilite a sua gestão.

BANNER GERAL Estoque, compras, financeiro e muito mais com o ERP WebMais

O Que É Estoque?

Estoque é o armazenamento de bens ou produtos que uma empresa possui para uso futuro ou para venda. Ou seja, são os materiais necessários para a produção de produtos ou para suprir a demanda dos clientes.

Por exemplo, uma loja de roupas precisa manter um estoque suficiente para atender aos pedidos, mas também deve tomar cuidado para não manter um estoque excessivo que resulta em custos desnecessários.

O Que É O Estoque Máximo?

O estoque máximo é um indicador que estabelece a quantidade máxima em estoque para um determinado item. O seu objetivo é garantir que a empresa tenha em sua posse não mais do que o necessário para atender às suas demandas.

Essa prática evita uma série de problemas como a perda de produtos, falta de espaço, prejuízo ao capital de giro, baixa rotatividade de produtos, entre outras coisas. Falaremos sobre cada um desses problemas mais adiante!

Qual A Importância De Manter Um Bom Controle De Estoque?

O estoque é um dos ativos mais importantes da empresa e é fundamental que seja bem gerenciado para o negócio ter sucesso.

Um estoque com produtos em falta pode significar a perda de vendas. Já um estoque com produtos em excesso pode ser a causa da falta de capital de giro e da perda de itens por prazo de validade.

A boa gestão e contabilização do estoque permite que os gestores tenham conhecimento sobre os produtos, com demanda mais alta e mais baixa.

Isso possibilita entender qual é o momento ideal de fazer novos pedidos aos fornecedores. Dessa forma, você sempre vai ter quantidades equilibradas armazenadas – nem a mais, nem a menos.

Outro ponto importante aqui é o aumento da lucratividade. A empresa, com os seus produtos de alta demanda sempre repostos, consegue vender mais e sempre atender as necessidades dos clientes.

Qual A Importância Do Estoque Máximo?

Sem um estoque máximo, a empresa mantém um grande número de itens, o que gera gastos a mais do que o necessário com a armazenagem. Além disso, aumenta os riscos de perdas por obsolescência ou deterioração, prejudicando a qualidade.

Da mesma forma que manter um estoque muito baixo ocasiona a alta de mercadorias, atrasos na entrega e perda de vendas. Por isso, é preciso equilibrar as necessidades e definir um estoque máximo.

Afinal, essa estratégia também ajuda na gestão financeira ao permitir planejar melhor as compras e reduzir custos de aquisições por antecipá-las com os fornecedores.

Benefícios do estoque máximo

Quais Vantagens E Desvantagens De Operar Com O Estoque Máximo?

Operar com estoque máximo tem vantagens e desvantagens que impactam no desempenho da empresa.

Dentre as vantagens, podemos destacar:

  • garantia de produtos suficientes para atender à demanda do mercado;
  • redução do risco de perda de vendas por falta de produtos em estoque;
  • eficiência na gestão financeira devido ao planejamento de compras e redução de custos de aquisição;
  • obtenção de melhores preços com fornecedores ao realizar compras em maiores quantidades.

Já as desvantagens, incluem:

  • aumento dos custos de armazenagem, uma vez que é preciso manter mais itens estocados;
  • geração de desperdício de recursos se os produtos ficarem obsoletos ou deteriorados;
  • dificuldade de gerenciar, uma vez que é necessário monitorar constantemente para evitar a falta ou excesso de mercadorias.

Quais Problemas O Controle De Estoque Pode Evitar?

Como falamos no início do artigo, o cálculo do estoque máximo ajuda a evitar uma série de problemas. E é importante lembrar que eles podem trazer consequências graves para a empresa. Saiba mais sobre alguns deles!

Excesso De Estoque

Quando você compra produtos em excesso, investe sem necessidade um valor que poderia trazer melhores resultados se utilizado de outras formas. Além disso, o excesso de produtos aumenta os custos de armazenamento.

Em alguns casos, a depender do tipo de produto com o qual você trabalhe, o excesso de estoque também pode implicar na perda de alguns itens. Isso porque eles podem ficar desatualizados ou têm os seus prazos de validade expirados.

O ERP da WebMais pode te ajudar a contornar esse problema. Conheça o sistema e controle seus lotes e prazos de validade com muito mais facilidade.

Diminui Ou Anula A Necessidade De Suposições

Controlando bem o estoque, o gestor passa a ter mais conhecimento sobre o real giro de mercadorias dentro da empresa. Assim, é possível tomar decisões com base em dados, sem a necessidade de fazer suposições.

Dessa forma, as previsões são mais realistas, o que ajuda a fazer compras de maneira mais acertada e investir melhor os recursos da empresa.

Melhora O Gerenciamento De Devoluções

Um bom controle de estoque também ajuda o time a evitar o envio de produtos com defeito ou errados para os clientes. Isso reduz a taxa de devolução e todo o trabalho envolvido nesse processo.

Roubo E Falta De Estoque

A boa gestão do estoque dá ao seu gestor uma visão clara sobre a localização e o status dos seus produtos. Com isso, você facilita a identificação de erros, itens perdidos e itens faltantes.

Quando o estoque é todo contabilizado e bem organizado, também fica mais difícil que os itens sejam extraviados ou até mesmo roubados.

Quais As Diferenças Entre Estoque Máximo E Mínimo?

O estoque máximo, como já explicamos, é um indicador muito importante. Ele determina a quantidade máxima de cada item no estoque para a empresa dar conta de todas as suas demandas sem armazenar itens em excesso.

O estoque mínimo é justamente o oposto: ele representa a quantidade mínima a ser mantida de cada item. Com esse dado, a empresa consegue atender a todas as suas demandas sem precisar lidar com a falta de produtos.

Diferenças entre estoque mínimo e máximo

Como Calcular O Estoque Máximo?

Calcular o estoque máximo não é difícil. Para isso, você deve aplicar uma fórmula. Confira abaixo qual é:

Estoque Máximo = Estoque Mínimo + Lote de Reposição

Ou seja, o estoque máximo sempre será a soma da quantidade mínima de produtos e da quantidade a ser comprada para atender o giro do período em questão.

Esse período pode ser uma semana, um mês ou um período mais longo, a depender da rotina de compras da sua empresa.

Como Calcular O Estoque Mínimo?

Para calcular o estoque máximo, é fundamental conhecer o estoque mínimo, que também é chamado de estoque de segurança. Para o cálculo, você deve aplicar a seguinte fórmula:

Estoque Mínimo = Média de Vendas Diárias x Tempo de Reposição

Para exemplificar, imagine que você vende 5 produtos por dia e o seu fornecedor precisa de 3 dias para entregar um novo pedido. Sendo assim, o seu estoque mínimo para esse item é de 15 unidades.

Quais As Vantagens E Desvantagens De Operar Com O Estoque Mínimo?

Como você viu, há diferenças do estoque máximo e mínimo, mas a segunda opção também tem seus fatores vantajosos e desvantajosos.

Dentre seus benefícios, estão:

  • Redução dos custos de armazenagem, uma vez que há menos produtos em estoque;
  • Menos risco de perda de produtos por obsolescência ou deterioração;
  • Evita compras de emergência com preços mais elevados e negociações menos favoráveis com fornecedores;
  • Liberação de recursos financeiros para outros investimentos.

Já as desvantagens envolvem:

  • Aumento do risco de falta de produtos em estoque, o que resulta em atrasos na entrega e perda de vendas;
  • Dificuldade no gerenciamento do estoque, uma vez que é necessário monitorar constantemente para evitar a falta de produtos;
  • Preços de compra mais elevados devido à necessidade de adquirir em menor quantidade e com mais frequência;
  • Afeta negativamente a imagem da empresa caso a falta de produtos seja recorrente.

Como Encontrar Os Níveis De Estoque Mínimo E Máximo?

Para encontrar os níveis de estoque mínimo e máximo, é necessário considerar a demanda média do produto, o tempo de espera para reposição de estoque, o tempo de armazenamento do produto, entre outros fatores.

O nível de estoque mínimo é calculado considerando a demanda média diária do produto e o tempo de espera para reposição do estoque. O cálculo do nível de estoque mínimo pode ser feito pela fórmula:

Nível de estoque mínimo = nível de novo pedido – (consumo normal por dia/semana, ou outro período x tempo usual de entrega)

Em um exemplo prático, imagine que uma empresa decide fazer um novo pedido quando o estoque atinge 100 unidades, esse é o nível de novo pedido. Ela vende em média 20 unidades por dia (consumo normal por dia) e o tempo médio de entrega é de 7 dias.

Ou seja:

Nível de estoque mínimo = 100 – (20 x 7) = 40

O nível de estoque máximo considera a demanda média diária do produto, o tempo de espera para reposição do estoque e o tempo de armazenamento do produto. O cálculo do nível de estoque máximo pode ser feito pela fórmula:

Nível máximo de estoque = nível de novo pedido + quantidade de novo pedido – (consumo mínimo x período de novo pedido)

Imagine que um negócio reponha o estoque quando alcança 100 unidades (nível de novo pedido) e pede 500 unidades a cada reposição (quantidade de novo pedido).

Ela precisa ter pelo menos 50 unidades em estoque para atender à demanda (consumo mínimo) e fazer um novo pedido a cada duas semanas (período de novo pedido).

Nesse caso:

Nível máximo de estoque = 100 + 500 – (50 x 15) = 150

BANNER Tudo que a sua empresa precisa com ERP WebMais

Quais Problemas O Controle De Estoque Ajuda A Resolver?

Em resumo, o controle de estoque ajuda a resolver problemas como a falta ou excesso de produtos, perda de produtos, falta de planejamento e dificuldades na gestão financeira.

Ele permite ter os produtos necessários conforme a busca dos clientes, o que evita prejuízos financeiros, planejamento adequado do estoque e gerenciamento dos seus custos.

O Que É Armazenagem?

Podemos definir a armazenagem como o processo de guardar, estocar e gerenciar mercadorias em um local específico, geralmente um armazém ou depósito.

Ela está diretamente relacionada ao estoque máximo, pois ele determina a capacidade máxima de armazenamento do local onde os produtos serão estocados.

Ou seja, a empresa deve ter um espaço físico adequado para armazenar os itens presentes em seu estoque máximo, de forma segura e organizada, para garantir a disponibilidade quando necessária.

O Que É A Logística De Armazenagem?

A logística de armazenagem é uma das etapas do processo logístico que envolve o recebimento, armazenamento, movimentação e expedição de mercadorias.

É responsável por gerenciar e controlar as operações de entrada e saída em armazéns e depósitos, garantindo a sua integridade e disponibilidade.

A logística de armazenagem está ligada ao estoque máximo, pois este representa o limite máximo de itens que a empresa armazena em seu espaço físico, enquanto a logística é fator chave para controlar o consumo dos clientes com agilidade.

O Que É O Ponto De Pedido?

O ponto de pedido diz respeito ao momento em que a empresa deve realizar um novo pedido de reposição de mercadorias para garantir que o estoque não fique abaixo do nível mínimo estabelecido.

É a partir do estoque máximo que é definida a quantidade de mercadorias a serem compradas dos fornecedores, considerando o armazenamento atual e a demanda prevista.

Para determinar o ponto de pedido, consideram-se fatores como as vendas médias, o tempo de reposição dos fornecedores, o tempo de transporte e o estoque de segurança.

BANNER Gestão completa e mais eficiente com o ERP WebMais

Conclusão

Conhecer o estoque máximo e estoque mínimo é muito importante para o gestor implementar um processo de compras mais acertado.

A ideia é evitar problemas como perda de vendas, produtos em excesso e o mau investimento dos recursos financeiros da organização.

Além disso, para uma gestão de estoque eficiente, é importante contar com um ERP que tenha um módulo específico para isso, como o Webmais.

Assim, é possível registrar de forma automática todas as entradas e saídas, agilizando o trabalho e diminuindo a incidência de erros.

A gestão feita com o auxílio da tecnologia também permite o acesso rápido a dados sobre todo o histórico de movimentações. Agende uma demonstração e deixe o seu processo de tomada de decisão mais rápido e inteligente.

Deixe um comentário