ficha técnica de produto

Ficha técnica de produto: saiba o que é e como fazer!

A ficha técnica de produto é um dos elementos de maior importância para as indústrias. Você sabe como montá-la e quais são os seus benefícios? Ela é fundamental para controlar a qualidade dos produtos fabricados pela sua indústria e também para estimar os custos de produção.

No post de hoje, vamos explicar em detalhes o que é a ficha técnica de produto e porque adotá-la. Também vamos ajudar você na montagem da ficha técnica dos seus produtos. 

Quer ver mais? Então, confira agora no post que preparamos para você!

O que é a ficha técnica de produto?

A ficha técnica de produto é um arquivo que traz uma série de informações necessárias para produzir um determinado item. Entre esses dados estão:

  • Quantidade de cada material usado nessa produção;
  • Unidades de medida utilizadas;
  • Quais utensílios são usados na produção;
  • Passo a passo para a fabricação do produto. 

Adotar a ficha técnica na sua indústria é algo simples, mas que contribui para padronizar a produção e otimizar a qualidade do que for produzido. Mais para frente, vamos ver em detalhes como fazer para montá-la na sua empresa. 

Agora, você sabe a real importância de fazer a ficha técnica dos itens que você fabrica? É o que vamos ver agora. Vem ver!

Qual a importância da ficha técnica de produto?

Um dos principais papéis da ficha técnica de produto para as indústrias é garantir a qualidade dos produtos e gerenciar os custos de produção. Além disso, ela desempenha uma função central para planejar o orçamento da empresa e reduzir custos. 

Ao comparar as informações da ficha técnica de produto com dados sobre o faturamento da empresa, o gestor pode verificar como os custos de produção se relacionam com a receita do negócio. Assim, ele consegue tomar decisões a partir dessa análise, como limitar novos investimentos, buscar novos fornecedores ou alterar o preço de venda, por exemplo.

gestão de produção

Quais os benefícios da ficha técnica de produto?

Agora que você já sabe o que é a ficha técnica de produto e qual a sua importância, confira 4 benefícios que esse item traz para a sua indústria. Veja a seguir!

1- Padronizar toda a produção

Como a ficha técnica traz todas as informações necessárias para a produção de um item, fica mais simples padronizar a produção. Isso porque o documento também mostra como cada item deve ser preparado e fabricado, unificando o modo de produção. 

2- Controlar a qualidade dos produtos fabricados

Uma produção padronizada resulta na manutenção da qualidade dos produtos, otimizando o processo de controle sobre esse aspecto. Afinal, não haverá diferenças significativas entre itens do mesmo tipo e modelo. 

3- Otimizar os custos do processo de fabricação

A ficha traz o valor de cada material envolvido na produção dos itens. Com isso, a indústria consegue otimizar o controle sobre os custos desse processo. Com base nesse tipo de informação, é possível tomar decisões mais inteligentes a respeito dos gastos de produção. 

4- Diminuir as perdas da produção

Como a ficha técnica traz a quantidade de cada item, isso evita o desperdício de material. A consequência é a redução de perdas e diminuição de custos e de gastos desnecessários. Isso porque a ficha permite saber quanto de cada material precisa ser comprado e estocado para não sobrar, nem faltar. 

A ficha técnica de produto, portanto, contribui para toda a cadeia produtiva de uma indústria. Mas como montar a sua ficha? Veja agora!

Como montar a ficha técnica de produto?

Viu só como a ficha técnica de produto é fundamental para a os processos industriais? Mas não pense que ela envolve uma grande complexidade na hora de ser feita. Nada disso! Fizemos um passo a passo para ajudar você a montar a sua ficha técnica. Confira a lista:

Passo 1: Anotar tudo aquilo que é usado para fabricar o item em questão. Na ficha, faça uma coluna destinada a essa etapa e não deixe nenhum material de fora: matérias-primas, ingredientes e utensílios, por exemplo. 

Passo 2: Identificar qual material corresponde a cada etapa de produção do item fabricado. Separe os momentos do processo de fabricação de acordo com os itens utilizados em cada etapa. 

Passo 3: Criar um código SKU (Stock Keeping Unit ou Unidade de Manutenção de Estoque) para cada item. Ele é uma excelente forma de identificar cada um dos materiais, ajudando a organizar e controlar o estoque. Inclua o código em uma coluna à esquerda do espaço destinado aos materiais. 

Passo 4: Estabelecer as quantidades de cada material ou ingrediente utilizado na produção do item e as unidades de medida correspondentes. Aqui, é possível incluir também o valor de cada material. Faça duas colunas à direita daquela dos materiais, uma para a quantidade dos itens e outra para o preço.  

Todas essas informações devem estar presentes no documento para garantir a padronização e a qualidade do produto fabricado.

Erros no processo de montagem da ficha técnica de produto

Acabamos de ver um passo a passo para construir a ficha, mas embora o processo de construção seja simples, ele é passível de erros. Então, na hora de montar a sua ficha técnica de produto, é preciso evitar os problemas mais comuns do processo. Um deles é referente ao preço ou unidade de medida na hora de inseri-los no documento. Preste bastante atenção aos números para não gerar confusão.

Também não deixe de fora da ficha uma matéria-prima só por ela representar um custo muito baixo. Tudo aquilo que é utilizado na produção do item precisa entrar na ficha técnica correspondente, independente do valor ou da quantidade. Além disso, é muito importante não esquecer de mensurar a mão de obra envolvida no processo de fabricação. 

Como um dos objetivos da ficha técnica de produto é ter controle sobre todos os gastos da produção, nenhum custo pode ficar fora do cálculo. Afinal, não incluir todos os detalhes pode causar uma diferença importante na hora de avaliar os custos, gerando um problema financeiro para a empresa.

1 Comentário “Ficha técnica de produto: saiba o que é e como fazer!

Deixe um comentário

17 + 3 =