modelo grátis de nota promissória para 2024

Veja Como Elaborar A Melhor Nota Promissória E Baixe Modelo Grátis [GUIA COMPLETO 2024]

Imagem de Sanon Matias

Você sabe como preencher nota promissória? Esse é um documento com valor judicial que formaliza uma relação de pagamento entre duas pessoas físicas ou jurídicas.

Quem emite esse tipo de documento se compromete a pagar determinado valor ao seu beneficiário. Assim, se o acordo não for cumprido, é possível recorrer à justiça.

Ou seja, ela é uma forma de passar mais segurança para quem tem o valor a receber!

Neste artigo, além de entender como funciona e como preencher nota promissória, você saberá o que a lei diz sobre esse título.

Além disso, trouxemos os principais tipos e um passo a passo para você saber como preencher nota promissória com validade legal.

Se você quiser automatizar o processo de emissão de nota provisória, temos uma ótima dica: o ERP da WebMais.

Isso porque, ele permite emitir esse documento de maneira facilitada e agilizada, otimizando a sua gestão. Agende uma demonstração gratuita hoje mesmo.

Já garantiu a sua demonstração? Então vamos seguir com o artigo. Boa Leitura!

BANNER GERAL Estoque, compras, financeiro e muito mais com o ERP WebMais

O Que É Nota Promissória?

Antes de entender como preencher nota promissória, é importante saber que se trata de um documento que funciona como uma promessa de pagamento entre duas partes, que podem ser pessoas físicas ou jurídicas.

Apesar de ser um documento simples, ela é legalmente aceita e pode ser usada em diversos tipos de acordo, como compra e venda, empréstimos, entre outros.

Então, como o nome indica, a nota é uma promessa de pagamento de um determinado valor.

Assim, quem a emite se compromete a pagar ao seu beneficiário o valor que consta no documento, que deve estar assinado por ambos.

Precisa de ajuda para turbinar suas vendas? Baixe nosso ebook gratuito de Planejamento de Vendas e melhore seus resultados.

Como Funciona A Nota Promissória?

A nota promissória é um documento simples. Nela constam os dados sobre as pessoas envolvidas na negociação e assinatura de ambas. Além disso, ela traz o valor devido e a data em que o pagamento deve ser feito.

O emitente, ou subscritor, é a pessoa que assume a dívida. Já o beneficiário ou tomador é a pessoa com o valor a receber. Tanto o emitente como o beneficiário podem ser pessoas físicas ou jurídicas.

Apesar de parecer um documento muito simples para quem está acostumado a lidar com contratos mais elaborados, ela tem validade legal. Por isso, é importante saber como preencher a nota da forma correta.

Isso porque é um dos principais documentos aceitos pela Justiça para formalizar relações de dívidas que não envolvem bancos.

Qual A Lei Que Regulamenta Uma Nota Promissória?

O decreto n.º 2.044 é o que regula o uso de notas promissórias no Brasil. Isso porque, mesmo tendo sido promulgado em 1908, ele ainda está em vigor no país.

Segundo o texto, o documento não precisa ser registrado em cartório para ter legalidade, basta que seja preenchida de acordo com as regras.

Nota Promissória Em 2024: Ainda É Válida?

Sim, as notas promissórias ainda são e serão muito usadas em 2024. Elas são um documento legal que pode ser usado para garantir o pagamento de uma determinada quantia de dinheiro em uma data futura.

Elas são especialmente úteis em situações em que o pagamento é feito em parcelas ou em uma data futura. Por isso, são um instrumento de crédito muito versátil, que pode ser usado em uma variedade de situações, como para:

  • fazer um empréstimo;
  • pagar uma compra parcelada;
  • garantir o pagamento de um serviço;
  • fazer um investimento;
  • fazer uma doação.

Nesse cenário, vale muito a pena saber como preencher nota promissória para continuar usando esse documento como base jurídica para cobrar dos seus clientes nos próximos anos.

Quando Usar Uma Nota Promissória?

Saber como preencher nota promissória é um dos principais passos para ter validade legal, mas você sabe quando usá-la? Ela pode ser utilizada em qualquer tipo de negociação financeira, desde que haja uma parte que deva determinado valor a outra.

Representação de exemplos de uso da nota promissória.

Esse é o caso de processos de compra e venda de bens e até mesmo de empréstimo entre parentes e amigos.

Qual A Vantagem Da Nota Promissória?

Antes de aprender como preencher nota promissória, é interessante saber que a principal vantagem dela é que se trata de um documento legal que garante o pagamento de parcelas em uma data futura.

Em palavras mais simples, se o devedor não pagar a nota na data do vencimento, o credor pode iniciar uma ação judicial para cobrar o valor devido.

Além dessa vantagem, as notas promissórias também oferecem outras, como:

  • simplicidade: são simples e fáceis de entender. Elas não exigem a intervenção de um advogado ou de um contador para serem preenchidas;
  • versatilidade: podem ser usadas em uma variedade de situações, como já mencionamos acima;
  • facilidade de emissão: pode ser emitida com facilidade, sem a necessidade de procedimentos complexos;
  • transparência e confiança: as condições do acordo são documentadas de maneira clara e objetiva;
  • negociabilidade: por serem títulos de crédito significa que podem ser negociadas. Ou seja, o credor pode transferir a nota promissória para outra pessoa, que se tornará o novo credor;
  • flexibilidade: é possível negociar prazos e condições de pagamento que atendam às suas necessidades específicas, permitindo a adequação do cronograma de pagamento de acordo com a capacidade financeira do devedor.

Quais Os Tipos De Nota Promissória?

Agora você já sabe o que é e saberá mais adiante como preencher nota promissória, então, é hora de conhecer, também, os dois tipos existentes do documento.

Afinal, a escolha do tipo de nota promissória depende das necessidades do negócio. A diferença entre ambos é importante para as partes envolvidas no negócio saberem quais são os seus direitos e obrigações.

Vamos conhecer os tipos para você saber por qual optar.

Pró-Soluto

Esse tipo de nota promissória é emitido para confirmar a resolução de um caso, ainda que a dívida esteja em aberto. É muito utilizada na compra de imóveis.

Quando o comprador assina uma nota promissória pró-soluto, ele está confirmando a compra do imóvel, mesmo que ainda não tenha pago o valor total.

Assim, o emitente da nota assume o risco de não receber o pagamento da dívida. Isso porque, mesmo que o pagamento não seja realizado, o negócio é considerado resolvido.

Pró-Solvendo

É o oposto da nota pró-soluto. Sendo assim, somente após a quitação da dívida é que o negócio será considerado resolvido.

Esse tipo de nota é mais comum em negócios comerciais. Quando um fornecedor emite uma nota promissória pró-solvendo, ele está garantindo que o pagamento será feito apenas após a entrega da mercadoria ou prestação do serviço.

tipos de nota promissória

Nesse caso, o emitente da nota não assume o risco de não receber o pagamento da dívida. Isso porque, somente após a quitação da dívida é que o negócio é considerado resolvido.

Qual A Garantia De Uma Nota Promissória?

Ao saber como preencher nota corretamente e ela for assinada por ambas as partes, o beneficiário pode acionar a Justiça caso a dívida não seja paga.

Dessa forma, a pessoa com valores a receber tem uma garantia de que o pagamento será feito, ainda que por meios legais.

Como Fazer Uma Nota Promissória?

Como você já sabe, para o documento ter valor legal, ele deve cumprir algumas regras. Seguindo o seguinte modelo, você saberá como preencher sua nota:

  • O valor devido pelo emitente deve estar claro e indicado na cifra monetária correspondente, assim como a data de vencimento da dívida;
  • Devem ser indicados dados com nome e CPF ou CNPJ das duas partes envolvidas;
  • Ambas as pessoas devem assinar o documento;
  • Ele precisa ter a inscrição “Nota Promissória” ou outro termo equivalente.

Lembre-se de registrar o valor devido tanto em número como por extenso para garantir a clareza do documento.

Caso você utilize um sistema como o ERP da WebMais você consegue ter muito mais agilidade na hora de elaborar uma nota promissória.

Quais Informações Precisam Estar Na Nota Promissória?

Como você viu, a nota promissória precisa conter algumas informações muito relevantes para ter validade legal. Por isso, é importante ficar de olho sempre que você for emitir um desses documentos e saber como preencher o documento de forma adequada.

Por isso, confira abaixo cada item que a nota deve conter e entenda mais sobre como preencher cada campo.

Soma do Capital Negociado

Aqui será preciso indicar qual é o valor combinado na negociação. Mas lembre-se de que, para evitar problemas jurídicos no futuro, é importante inserir o valor por extenso.

Também anote o valor total da negociação, incluindo os centavos. Isso porque é essencial deixar tudo muito claro já na hora de firmar o acordo.

Número Da Nota

É muito importante que você saiba como preencher nota promissória para indicar qual é o número dela logo no início do documento. Isso porque, o dado facilita a identificação do arquivo, caso seja preciso buscá-lo em outra ocasião.

Data De Vencimento

Nenhum documento de controle financeiro deve ser emitido sem a data de vencimento. Isso vale para nota, recibo, ou outros.

É através dela que você pode controlar até quando o devedor precisa pagar o dinheiro do acordo. Sendo assim, a data de vencimento é essencial para manter suas finanças em dia.

Local de Pagamento

A praça deve estar indicada na nota provisória, de forma legível e inquestionável.

Essa é outra forma de se referir ao local de pagamento. Assim como os outros dados desse documento, ele também é muito importante para a segurança jurídica.

checklist da nota promissória

É que será nessa mesma praça que você poderá iniciar o processo de protesto da nota promissória, caso o devedor não pague.

Então, deixe bem claro qual é essa cidade e, para complementar, insira o estado de emissão da nota.

Endereço Do Devedor

Conhecer o devedor é parte essencial de concluir uma boa negociação. Por isso, para entender como preencher nota promissória e emiti-la, será necessário inserir o endereço de residência atual dele.

Assim você tem mais informações importantes dessa pessoa, facilitando o reforço na hora de recolher o pagamento do valor combinado.

Nome Completo E CPF/CNPJ Do Credor

É preciso saber como preencher nota promissória para ter diversas informações com intuito de ter validade jurídica. Por isso, entre as mais importantes estão os dados do credor.

Afinal, é ele quem receberá o dinheiro do acordo que a nota está representando. Sendo assim, ao emitir esse documento, não se esqueça de informar nome completo e CPF/CNPJ do credor.

Nome Completo E CPF/CNPJ Do Devedor

Ainda mais importantes do que os dados do credor, o nome completo e CPF/CNPJ do devedor também devem constar na sua nota provisória.

Como você sabe, é preciso conhecer quem está se comprometendo a pagar o valor combinado no acordo. Por isso, a nota precisa conter, em escrita legível e incontestável, os dados básicos do devedor.

Assinaturas De Próprio Punho De Ambos Os Envolvidos

Para firmar o acordo, ambas as partes envolvidas precisam assinar a nota provisória. E é claro, isso indica que o documento precisa ser impresso.

A assinatura servirá como prova de que o credor e o devedor chegaram a um consenso sobre a data de pagamento e o valor a ser pago. Por isso ela é tão importante para a validade jurídica desse documento.

O Que Invalida Uma Nota Promissória?

Caso não siga as regras e contenha as informações já citadas para saber como preencher a nota, ela pode ser considerada inválida.

Além disso, não pode ter rasuras ou informações ilegíveis. E também pode ser inválida se o devedor conseguir provar, perante a Justiça, que a dívida descrita no documento não existe.

Como Vincular Uma Nota Promissória A Um Contrato?

É importante deixar claro que a nota promissória não tem valor de contrato entre as pessoas envolvidas. Ela indica somente o compromisso de pagamento.  

Por isso, além de entender como preencher o documento e criá-lo, é importante existir um contrato que formalize a negociação.

Isso não é necessário, por exemplo, em casos de empréstimos entre pessoas conhecidas, mas é de fundamental importância em casos de aquisição de bens.

Qual O Tempo De Validade De Uma Nota Promissória?

O tempo de validade da nota promissória varia de acordo com cada negociação. Por isso, ela deve estar descrita no documento. Nesse caso, é importante preencher a nota com a data correta.

Depois do vencimento, o beneficiário tem o prazo de seis anos para cobrar a nota por via judicial – após esse período, a nota prescreve.

Como Emitir Nota Promissória?

Existem diferentes formas de emitir nota promissória. A primeira – e mais comum – é utilizar um bloco de papel com modelos prontos para o preenchimento. Esses blocos são baratos e podem ser encontrados em qualquer papelaria. 

Já a segunda forma – mais ágil e segura, é fazer sua nota promissória online. Para isso, será necessário contar com um documento digital, que deve ser impresso.

Um detalhe importante é que, se você decidir usar a nota digital, deve se lembrar de mostrar que o documento é uma nota promissória. Sendo assim, o arquivo deve contar com essa indicação.

Outro ponto é que o pagador pode ser uma pessoa física ou jurídica. Seja qual for a sua escolha, o documento precisa trazer as seguintes informações obrigatórias:

  • Ter escrito por extenso “Nota Promissória” ou termo correspondente, na língua que for emitida;
  • Dados pessoais do pagador: nome, RG e CPF ou CNPJ;
  • Os mesmos dados pessoais de quem vai receber o dinheiro;
  • Valor total a ser pago, em numeral e por extenso;
  • Endereço;
  • Data de vencimento;
  • Assinatura quem irá pagar ou por procuração, feita à mão.

Preencheu o seu documento com todas essas informações essenciais? Agora ele tem validade jurídica e está pronto para ser usado como nota promissória. 

Caso o preenchimento tenha resultado em alguma rasura, descarte o papel e reinicie o processo. Todas as informações precisam estar legíveis.

Emita notas promissórias de forma simples e ágil com o ERP WebMais CONHEÇA O SISTEMA COMPLETO

O Que Acontece Se A Nota Promissória Não For Paga?

Mesmo sabendo como preencher nota promissória e fazendo corretamente, caso o pagamento não ocorra, o devedor pode ter seu nome negativado no SERASA ou SPC. 

Porém, como todos os débitos não pagos, o documento só pode permanecer negativado por até cinco anos após a sua data de vencimento original. 

Não é preciso esperar nenhum prazo para que a negativação ocorra. A nota pode ser encaminhada para os órgãos de proteção ao crédito assim que vencer.

Quais São Os Cuidados Mais Importantes Com A Nota Promissória?

Para completar seu conhecimento sobre como preencher nota promissória, é preciso entender que existem alguns cuidados a serem tomados para ter validade jurídica.

A nota promissória é um instrumento financeiro muito importante, por isso, é preciso garantir a segurança e validade desse documento com uma série de cuidados básicos que vamos ensinar abaixo.

Evite Rasuras!

Rasuras em documentos legais podem invalidá-los. Isso porque elas podem indicar que a pessoa que preencheu o documento tentou alterar informações posteriormente.

6 dicas para manter a nota promissória em dia.

Nesse caso, qualquer alteração no texto original pode levantar dúvidas sobre a autenticidade do documento e comprometer sua validade legal.

Portanto, ao aprender como preencher o documento, é imperativo que todas as informações sejam registradas de forma clara e sem emendas.

Caso seja necessário fazer correções, é recomendável emitir uma nova nota promissória, evitando assim qualquer ambiguidade ou questionamento futuro.

De Olho No Prazo

O cumprimento do prazo estabelecido na nota promissória é essencial para manter a confiança entre as partes envolvidas. Tanto o emitente quanto o beneficiário devem estar cientes da data de vencimento e se comprometer a cumprir o acordo no prazo estipulado.

A falta de pagamento na data prevista pode acarretar juros, multas ou até mesmo processos legais. Portanto, é crucial que ambas as partes estejam atentas ao calendário estipulado na nota.

Preste Atenção No Endereço Correto Do Emitente

Sabendo como preencher nota promissória, você deve ficar atento ao endereço do seu emitente. Esse fator pode parecer simples, mas impacta em muitas facetas.

Saiba se o endereço fornecido pelo emitente está correto para eventuais contatos ou envio de correspondências relacionadas ao acordo.

Qualquer informação incorreta pode dificultar a comunicação entre as partes e até mesmo prejudicar a localização do devedor em caso de inadimplência.

Portanto, é importante preencher o endereço do emitente corretamente, com todos os dados necessários, como rua, número, bairro, cidade, estado e CEP.

O Valor Precisa Estar Atualizado

Ao saber como preencher a nota, você deve estar atento ao valor a ser adicionado no documento, para não haver erros.

Manter o valor da nota promissória atualizado evita problemas futuros. Qualquer discrepância entre o valor registrado no documento e o montante real acordado pode levar a mal-entendidos, conflitos e, em última instância, à invalidação do compromisso.

Nesse sentido, ao emitir uma nota promissória, é essencial verificar se o valor está correto e reflete com precisão o acordo entre as partes, para somente depois assiná-la.

Defina Parcelas Antes De Emitir

Quando se trata de acordos parcelados, defina claramente o número de parcelas e os prazos de vencimento na nota promissória. Especificar essas informações com precisão evita confusões futuras e estabelece clareza sobre as obrigações financeiras de ambas as partes.

Além disso, essa prática contribui para uma gestão mais eficiente do pagamento, facilitando o controle do devedor e do credor sobre o andamento do acordo.

Confira Todas As Informações Duas Vezes

Por último, mas não menos importante, revise todas as informações com atenção redobrada após entender como preencher nota promissória. Erros de digitação, omissões ou qualquer tipo de imprecisão podem resultar em complicações futuras.

Ao assinar o documento, todas as partes envolvidas devem ter certeza de que as condições e informações ali registradas estão corretas e representam fielmente o acordo estabelecido.

Quais São Os Cuidados Mais Importantes Com A Nota Promissória?

Alguém já te perguntou se você sabe qual o risco de uma nota provisória? A resposta pode te surpreender, pois são vários. Mas existe um que é o principal, que é o calote. 

Isso significa que, se você emite nota promissória no seu negócio, precisa ficar de olho para que seus clientes realmente paguem o que foi acordado. 

É por isso que, como você viu acima, preencher o documento com as informações necessárias é essencial para garantir a segurança de quem deve receber o dinheiro. 

Portanto, quando você for preencher uma nota promissória, fique de olho para não esquecer nenhum dado. Sem que todos estejam na nota, de forma visível e legível, incluindo a assinatura, ela não tem validade legal. 

Mas, com todos os dados preenchidos de maneira correta, é possível acionar proteção jurídica para o caso. Então, o principal cuidado com o documento é justamente emiti-lo de forma que o valide judicialmente. 

O mecanismo legal que garante essa validade é o parágrafo 1º do Art. 781 do Código de Processo Civil.

Como Protestar Uma Nota Promissória?

Se a nota promissória está vencida, ela pode ser protestada. Porém, ela deve ter sido emitida com todos os dados corretos e legíveis. Além disso, o protesto precisa ocorrer na mesma cidade indicada para o pagamento do documento. 

Para iniciar esse processo, você deve apresentar a via original da nota no SCPT (Serviço Central de Protesto de Títulos). Se precisar, procure ajuda jurídica. 

E claro, lembre-se de protestar a nota promissória na mesma cidade em que ela deve ser paga, ou ela será devolvida. 

Além disso, é possível protestar pelo saldo, em caso de já ter recebido parte do valor. Faça uma declaração no verso do documento informando o valor que já recebeu e o que falta receber,  complementando com data e demais dados.

Qual O Risco De Uma Nota Promissória?

O risco da nota promissória depende muito da situação financeira do emitente e da capacidade que ele tem de honrar o pagamento no vencimento estipulado. 

Sendo assim, é muito importante que você emita a nota fiscal sempre com atenção a clareza de todas as informações que precisam conter nela. Isso para, caso seja necessário, você pode acionar o valor judicial dela. 

Por isso, um sistema ERP que possui a funcionalidade de emissão de nota promissória, como o sistema WebMais, irá te auxiliar a sempre ter os dados corretos e atualizados. Mas não se esqueça que é necessário a assinatura de próprio punho do emitente!

Além disso, também há riscos externos que podem influenciar em uma nota promissória, como: instabilidade econômica, mudanças em taxas de juros, mudanças em regulamentações, dentre outros.

Exemplos De Uso Da Nota Promissória

Vamos exemplificar melhor como preencher nota promissória e o uso dela na prática para você entender de uma vez por todas sobre o assunto.

É possível para compras parceladas. Uma empresa pode emitir uma nota promissória para um fornecedor para garantir o pagamento de uma compra de mercadorias ou serviços parcelados.

Por exemplo, uma empresa de construção pode aprender como preencher nota promissória para um fornecedor de materiais de construção para garantir o pagamento de uma compra parcelada.

Também é possível usar para fornecimento de serviços. Um negócio pode emitir uma nota promissória para um cliente para ter o pagamento de um serviço prestado.

Por exemplo, uma empresa de limpeza pode entender como preencher nota promissória para um cliente para resguardar o pagamento de um serviço de limpeza mensal.

Além disso, uma organização pode emitir esse documento para um investidor para captar recursos para fazer investimentos nos produtos ou serviços.

E claro, também é viável emitir uma nota promissória para um banco para garantir o pagamento de um financiamento.

Por exemplo, uma indústria de alimentos pode emiti-la para um banco para garantir o pagamento de um financiamento para a compra de equipamentos.

Não podemos esquecer do adiantamento de salário. Em alguns casos, um empregado pode receber um adiantamento salarial e formalizar o compromisso de devolver esse valor em uma data específica por meio de uma nota promissória. Isso ajuda a estabelecer clareza nas condições do adiantamento.

Outro exemplo prático seria o uso por profissionais autônomos, como advogados, médicos ou consultores, para formalizar acordos de pagamento de honorários, especialmente se os serviços forem prestados ao longo do tempo.

Modelo De Nota Promissória

Embora você já saiba como preencher nota promissória do zero, a forma mais fácil de emitir o seu documento é usar um modelo de nota promissória em branco. Assim você pode imprimir diretamente o arquivo digital e apenas preencher – à mão, os dados necessários. 

Se preferir, também é possível alterar as informações da negociação direto no arquivo, e emitir uma nota promissória preenchida. É claro, ainda será preciso coletar a assinatura dos envolvidos.

Vale A Pena Usar A Nota Promissória?

A nota promissória é um documento simples, mas muito funcional. Pois, mesmo com essa simplicidade, ela ainda é válida como comprovante de empréstimo ou prestação de serviço, seja em acordos formais ou informais. 

Por isso, vale a pena usá-la no seu negócio.

Deve apenas se atentar em como preencher nota promissória. Dessa forma, você terá maior segurança jurídica, já que pode utilizar a nota em casos em que não recebe o valor combinado. 

Se isso acontecer, você pode recorrer judicialmente para a dívida ser paga. Mas, ainda é importante lembrar que esse documento não tem valor de contrato, representando apenas a dívida.

Perguntas Frequentes

Veja a seguir as respostas para algumas das perguntas mais frequentes sobre como preencher nota promissória.

Quem É O Sacado Presente Nota Promissória?

Na nota promissória não há a presença do sacado, ele é um termo mais associado a títulos de crédito como a duplicata, há apenas o sacador. O sacador é a pessoa que emite a nota promissória.

Qual A Diferença Entre Sacado E Sacador?

O sacador é o emitente da nota promissória, ou seja, é a parte que cria o documento para receber o pagamento do sacado.

Em uma duplicata, o sacado é a pessoa ou empresa que está sendo cobrada pelo pagamento. Em outras palavras, o sacado é o devedor, aquele que deve efetuar o pagamento ao beneficiário (credor).

É Preciso Reconhecer Firma Em Nota Promissória?

Não é necessário reconhecer firma em nota promissória. Para ser válida, você deve apenas saber como preencher nota promissória corretamente como vimos acima, de acordo com o decreto n.º 2.044.

Qual A Diferença Entre Nota Promissória E Duplicata?

A nota promissória é um documento onde há apenas a promessa de pagamento de dívida entre as duas partes.

Já a duplicata é título de crédito emitido pelo credor para comprovar um contrato de compra e venda ou na prestação de serviços. Sendo assim, a duplicata é referente a uma transação comercial.

Uma Nota Promissória Tem Garantia?

Ao saber como preencher nota promissória corretamente, com todos os dados legíveis e com assinatura de próprio punho do sacador (emitente), ela possui garantia e pode ser protestada.

É Possível Fazer O Parcelamento De Uma Nota Promissória?

Não é possível fazer o pagamento parcelado de uma nota promissória. Caso haja interesse de se fazer o pagamento do valor parcelado deve-se fazer um documento para cada parcela, preenchida com a sua respectiva data de pagamento.

Quem É O Emitente? Quem Paga Ou Quem Recebe?

Para completar seu aprendizado sobre como preencher nota promissória, é hora de entender quem é quem nesse processo. O emitente é a pessoa que assina a nota e se compromete a pagar o valor nela especificado. Portanto, o emitente é o devedor, ou seja, a pessoa que pagará o dinheiro.

O beneficiário é a pessoa a quem o emitente se compromete a pagar o valor especificado na nota. Portanto, o beneficiário é o credor, ou seja, a pessoa que receberá o dinheiro.

Em outras palavras, a resposta curta à sua pergunta é:

  • Emitente: Paga
  • Beneficiário: Recebe

Um exemplo prático seria:

Eu, João da Silva, prometo pagar a Maria Souza a quantia de R$ 300, no dia 14/01/2024.

_______João da Silva_______
(Assinatura do emitente)

Neste exemplo de como preencher nota promissória, o emitente é João e o beneficiário é Maria. O emitente se compromete a pagar a quantia de R$ 300 ao beneficiário no dia em questão.

Emissão digital de notas promissórias de forma simplificada? Isso e muito mais com o ERP WebMais

Conclusão

Agora que você já sabe o que é, como funciona e como preencher nota promissória, é importante ter sempre em mente duas coisas. 

A primeira é que ela não substitui o contrato, pois não estipula nenhuma regra para a relação de compra, venda ou empréstimo — apenas garante o pagamento do valor. 

Além disso, você deve se lembrar sempre de que, para ter valor, legal, ela precisa seguir todas as regras que mostramos aqui neste texto. Isso inclui não conter nenhuma rasura.

Caso contrário, ela pode ser considerada inválida pela Justiça! Felizmente, você sabe como preencher nota promissória sem passar por futuros problemas relacionados a erros. 

Muitos detalhes, não é? Nós podemos te ajudar a melhorar o controle financeiro da sua empresa. O sistema ERP da WebMais tem uma funcionalidade que emite notas promissórias de forma simples e facilitada. 

Então, agende uma demonstração gratuita e fale com um de nossos consultores. Eles mostrarão como o sistema pode otimizar sua gestão e maximizar seus resultados.

Deixe um comentário