Gestor fazendo reposição de estoque da empresa

As Melhores Estratégias Para Fazer Reposição De Estoque

Imagem de Sanon Matias

Como proprietário de uma empresa, você precisa garantir que os consumidores encontrem o que desejam comprar. A melhor forma de fazer isso é por meio da reposição de estoque.

Essa estratégia, além de evitar a falta de produtos nas prateleiras, também não deixa ter excesso de armazenamento que gera gastos desnecessários de diversas formas.

Uma alternativa para colocá-la em prática é através do ERP da WebMais, que automatiza o processo e facilita a sua gestão. A boa notícia é que você pode solicitar uma demonstração gratuita, agora mesmo, para descobrir os seus benefícios.

Além dela, também há outras práticas essenciais para fazer um pedido de reposição de estoque eficiente. Então acompanhe o artigo e confira!

BANNER GERAL Estoque, compras, financeiro e muito mais com o ERP WebMais

O Que É A Reposição De Estoque?

A reposição de estoque é o processo de reabastecer os produtos ou mercadorias em um estoque que foram vendidos ou usados. Manter um nível adequado de inventário é o principal objetivo.

Pode parecer uma tarefa simples do dia a dia, mas executá-la com eficiência é um desafio. Isso porque envolve monitorar os níveis de estoque existentes. Além disso, inclui determinar a quantidade de produtos que precisam ser encomendados.

E vale destacar que há diferenças de reposição de mercadoria e de estoque. Quando falamos em repor produtos, estamos falando da substituição de itens expostos na prateleira. Já repor o estoque é providenciar novas compras.

Quais Os Tipos De Reposição De Estoque?

Há dois tipos de reposição de estoque que atendem a diferentes necessidades de reabastecimento. Assim, a seguir, falaremos sobre cada um.

Reabastecimento Contínuo

Envolve um fluxo constante de produtos sendo encomendados e entregues ao estoque. É baseado em um sistema de monitoramento em tempo real. Assim, ele emite automaticamente uma ordem de compra quando o estoque atinge um nível mínimo pré-definido.

Assim, mantém os níveis de armazenamento constantes e reduz o risco de falta de itens. Por isso, é comum que seja usado para produtos de alta rotatividade ou que têm uma demanda previsível.

Reabastecimento Periódico

Nesse tipo, é encomendado uma quantidade específica de produtos em intervalos regulares de tempo, independentemente do nível de estoque atual.

Geralmente, um ciclo de reposição é estabelecido para definir o intervalo de tempo entre os pedidos. É adequado para produtos com uma demanda mais irregular ou sazonal e para empresas com desejo de manter um controle mais rigoroso sobre seus custos de estoque.

Quais Os Benefícios Da Reposição De Estoque?

A reposição de estoque é essencial para garantir a eficiência e a rentabilidade de um negócio, trazendo vários benefícios. Veja os principais!

Satisfação Do Cliente

Manter os produtos disponíveis ajuda a garantir o atendimento à demanda dos clientes, evitando assim a falta de estoque e insatisfação dele. Afinal, é decepcionante quando não encontramos o que queremos.

Redução De Custos

Ao equilibrar os níveis de estoque de forma adequada, é possível ter uma gestão de compras eficiente, sem excesso de itens. Esse é um dos problemas que gera custos adicionais de armazenamento, mas pode ser evitado. 

Melhora Da Produtividade

Quando a reposição é realizada de forma inteligente, a empresa tem uma melhor visibilidade sobre o estoque. Assim, é possível ter uma melhor previsão de demanda, planejamento de produção e logística. Tudo isso melhora a eficiência e produtividade.

Melhora Da Eficiência Operacional

Graças a essa estratégia, é possível melhorar a eficiência da cadeia de suprimentos. Dessa forma, você garante que os produtos sejam entregues no prazo e mantendo os custos de estoque sob controle.

Melhora Do Fluxo de Caixa

Você também consegue otimizar o fluxo de caixa. Dessa forma, a empresa terá um melhor controle sobre seus custos de armazém e evitar a falta de estoque, problema que leva a perda de vendas e receitas.

5 benefícios da reposição de estoque erp webmais

O Que É Estoque Mínimo E Máximo?

O estoque mínimo é a quantidade mínima de um produto para em seu estoque a qualquer momento, a fim de prevenir produtos disponíveis para os clientes.

Já o estoque máximo trata-se do número máximo de um produto estocado, para impedir custos excessivos de armazenamento e gerenciamento de estoque.

A reposição de estoque está diretamente relacionada com o estoque mínimo e máximo. Isso porque a empresa precisa monitorar os níveis para garantir que eles estejam dentro da faixa estabelecida.

Então, quando o inventário está abaixo do nível mínimo, é preciso iniciar o processo de reposição para trazer o estoque de volta à faixa adequada.

Da mesma forma, quando atinge o nível máximo, deve-se parar de repor até que se normalize.

Quando Realizar A Reposição De Estoque?

O momento certo para realizar a reposição de estoque depende de vários fatores. Alguns incluem a demanda do produto, a quantidade de estoque atual, o lead time de entrega, entre outros.

Em geral, a reposição de estoque deve ser realizada antes que o estoque atinja o seu nível mínimo para garantir estoque suficiente para atender à demanda dos clientes.

Para assegurar isso, monitore constantemente o estoque, estabeleça uma quantia mínima para cada produto, considere o tempo de entrega do item. Por fim, estabeleça um sistema de controle eficiente.

Como Fazer A Reposição De Estoque?

Para fazer um pedido de reposição de estoque, você precisa seguir algumas práticas recomendadas. Confira quais são elas!

Invista Na Previsão De Demanda

A empresa pode utilizar técnicas de previsão de demanda para determinar quando e quanto estoque deve ser reposto. Então, será preciso ter dados históricos como base, além de tendências de mercado e informações de clientes.

Conheça Seu Público Alvo

Conheça bem o seu público-alvo para entender suas necessidades e preferências. Esse conhecimento aprofundado ajuda a determinar quais produtos têm maior probabilidade de vender e a quantidade de estoque necessária.

Acompanhe A Rotatividade Dos Produtos

Nunca esqueça de acompanhar a rotatividade dos produtos para saber quais são aqueles que vendem mais. Além disso, com base nessa informação, reponha com frequência para nunca ter uma ruptura de estoque.

Analise Os Fornecedores

Os fornecedores são parte importante de um bom controle de estoque. Por isso, analise todos eles para garantir que forneçam qualidade e entrega dos pedidos no prazo. Além disso, aproveite para negociar preços e condições de pagamento favoráveis.

Fuja De Processos Manuais

Invista em um sistema de gestão de estoque, como um ERP, para automatizar o processo de reposição. Com essa ferramenta, você reduz erros e preserva a eficiência de todas as operações, pois serão mais rápidas.

automatize a gestão da sua indústria ou distribuidora com o erp webmais

Conclusão

Agora você já sabe que a reposição de estoque é uma atividade crucial para qualquer empresa e precisa ser feita de forma contínua. Assim, com as dicas dadas até aqui, você está pronto para aplicar no seu negócio e obter bons resultados.

Durante esse processo, conte com o ERP da WebMais. Um bom sistema de reposição de estoque permite à empresa manter um equilíbrio entre o estoque e as vendas. Além disso, também reduz o tempo de inatividade e maximiza a eficiência da produção.

Solicite uma demonstração gratuita!

Deixe um comentário