Indústrias e distribuidoras precisam saber como calcular a cobertura de estoque

Entenda O Que É Cobertura De Estoque E Como Calcular

Imagem de Sanon Matias

Uma indústria ou distribuidora que lida com diversos produtos precisa ter um controle sobre as compras de suas mercadorias. Uma forma de fazer isso é com o cálculo da cobertura de estoque.

O resultado possibilita um monitoramento mais eficiente para superar os desafios diários relacionados à satisfação dos clientes, o financeiro equilibrado e a reputação da empresa.

A tecnologia pode ajudar nessa tarefa! O ERP da WebMais registra e integra os dados para calcular essa e outras métricas com mais precisão. E você pode solicitar uma demonstração gratuita da ferramenta agora mesmo!

Para ensiná-lo a fazer o cálculo de cobertura de estoque, separamos todas as orientações para você entender tudo e aplicar no seu negócio. Então, vamos lá!

BANNER GERAL Estoque, compras, financeiro e muito mais com o ERP WebMais

O Que É Cobertura De Estoque?

Usamos a cobertura de estoque para determinar por quanto tempo a empresa mantém seus níveis de estoque sem a necessidade de reabastecê-lo.

Em outras palavras, é uma medida aplicada para saber se o produto estocado cobre todas as demandas futuras ou se será preciso comprá-lo para reposição.

Como Calcular A Cobertura De Estoque?

A cobertura de estoque pode ser calculada dividindo o número total de unidades vendidas por um determinado período pelo número de dias. A sua fórmula é:

Cobertura de Estoque = Média de Vendas / Estoque

Para encontrar a média de vendas, você pode usar a seguinte conta:

Média de Vendas por Dia = Total de Vendas / Número de Dias

Vamos aprender a como calcular a cobertura de estoque, na prática. Suponhamos que uma distribuidora venda 10000 unidades de um determinado produto em um mês (30 dias) e tenha 2000 unidades desse produto em estoque. A média de vendas por dia é:

Média de Vendas por Dia = 10000 unidades / 30 dias

Média de Vendas por Dia = 333,33 unidades por dia

Nesse caso, a cobertura de estoque seria:

Cobertura de Estoque = 333,33 unidades por dia / 2000 unidades em estoque

Cobertura de Estoque = 0,1667 dias

Com esse resultado, podemos afirmar que a cobertura de estoque é de cerca de 0,17 dias. Isso significa que a distribuidora tem estoque suficiente para atender a demanda por menos de um dia.

Quais As Vantagens De Fazer Uma Boa Gestão De Estoque?

A gestão de estoque gerencia o estoque de uma empresa, garantindo produto suficiente para atender à demanda do mercado. Mas é claro, sem excessos resultantes em custos adicionais ou perdas.

Dessa forma, a cobertura de estoque ajuda a avaliar e equilibrar o controle do setor. Por isso, esse gerenciamento traz vantagens que envolvem:

  • Redução de custos associados ao armazenamento, manutenção e transporte de produtos, além de evitar perdas e desperdícios devido a produtos obsoletos, danificados ou vencidos;
  • Melhora do fluxo de caixa, pois a empresa não precisa investir tanto em estoque extra;
  • Aumento da eficiência operacional, garantindo a disponibilidade dos itens certos, no momento certo. Assim, evita atrasos e melhora a produtividade da empresa;
  • Maior satisfação do cliente e aumento da fidelidade por assegurar o atendimento às suas necessidades e desejos na hora;
  • Melhoria na tomada de decisões ao ter acesso aos dados valiosos sobre a demanda do mercado, padrões de compra dos clientes e desempenho dos produtos.

Quais São Os Impactos Do Cálculo Da Cobertura De Estoque?

O cálculo da cobertura de estoque impacta a empresa de diferentes formas. Abaixo, conheceremos as principais delas.

Corte De Gastos Desnecessários

Muitas empresas mantêm estoques a mais, o que resulta em custos adicionais de armazenamento e manutenção. Porém, a cobertura de estoque determina o nível ideal e evita essa situação, economizando dinheiro.

Otimização Das Vendas

Ao identificar a quantia ideal para cada produto é viável atender à demanda do mercado, o que aumenta as chances de vendas bem-sucedidas. Afinal, também pode ajustar suas estratégias de vendas conforme previsões futuras de pico.

(Ilustração)

Usar um ERP otimiza suas vendas

(Vendedor com rosto feliz e fazendo joinha, com um app de vendas na mão e uma setinha "app de vendas", na frente de um notebook com "ERP gerenciando dados de vendas")

Melhora Na Qualidade Do Serviço Prestado

Existem situações nas quais você sabe que em determinado período do ano há aumento na procura de alguns produtos. Em outros casos, é possível até mesmo saber como ocorre a saída deles no dia a dia.

Dessa forma, há melhora na qualidade do serviço prestado por atender as expectativas dos consumidores.

Conhecer O Lead Time E A Variabilidade De Demanda

A cobertura de estoque também impacta na definição do tempo exato para receber novas mercadorias e a variação de demanda de cada uma. Ou seja, ajuda no planejamento das operações para reduzir perda de vendas ou de itens estocados.

Qual A Cobertura De Estoque Ideal?

Uma cobertura de estoque ideal é aquela que equilibra os custos de armazenamento e manutenção do estoque com a capacidade de atender às necessidades dos clientes. Portanto, não há um padrão para todos os negócios.

Vamos pensar em um exemplo!

Uma empresa que trabalha com produtos perecíveis, como alimentos frescos, precisa manter um nível de estoque mais alto do que outra que vende produtos duráveis, como móveis.

Esse cálculo deve ser feito ao longo do tempo, com base na demanda do mercado. Outros dados incluem o lead time de fornecedores, a variação na demanda e a capacidade de produção da empresa.

Qual A Diferença Entre Cobertura De Estoque E Giro De Estoque?

Calcular o giro e a cobertura de estoque é muito importante, mas são duas métricas diferentes usadas para avaliar a eficiência da gestão de estoque.

Até aqui, você aprendeu que a cobertura de estoque se trata da medida da quantidade de tempo do estoque atual antes de repor. Já o giro de estoque mede a rapidez com que o que está estocado é vendido em um tempo específico.

Uma alta cobertura de estoque indica segurar muito os itens, enquanto a baixa significa ficar sem estoque com frequência. Mas, o alto giro aponta boas vendas, e o baixo giro indica baixa demanda e armazenamento excessivo.

Vale ressaltar que ambas as métricas devem ser usadas em conjunto para obter uma visão completa da situação do armazém.

Como Fazer Uma Boa Cobertura De Estoque?

Para fazer uma boa cobertura de estoque é preciso seguir algumas dicas eficientes que equilibram a oferta e a demanda do mercado. Dentre elas, destacamos as principais abaixo.

Use Valores Mais Precisos

Certifique-se de que as informações usadas para calcular a cobertura de estoque sejam precisas. Isto é, os dados históricos de vendas, o estoque atual e o tempo necessário para reabastecer devem ser cuidadosamente monitorados e atualizados regularmente.

Considere Múltiplos Resultados

Você deve estar preparado para diferentes cenários, como a possibilidade de um aumento inesperado na demanda ou uma redução na oferta de fornecedores. Assim é mais fácil lidar com diferentes situações e minimizar os riscos de ficar sem estoque.

Invista Em Um Software De Controle De Estoque

Use um sistema de gestão de estoque para identificar as informações do setor. As principais são o que está estocado, como estão as vendas e qual deve ser o período para reabastecimento. A tecnologia facilitará o encontro desses dados com rapidez e sem erros.

Controle de estoque + eficiente, preciso e ágil
EXPERIMENTE O ERP WEBMAIS

Conclusão

Agora você já sabe que a cobertura de estoque precisa ser considerada para medir os níveis do armazém e obter todas as vantagens que proporciona.

Vale lembrar que essa não deve ser a única métrica considerada na gestão. O giro de estoque, por exemplo, também é importante para avaliar a eficiência do processo de vendas e reposição.

Para ambas as formas de avaliação, você precisa do ERP da WebMais, com propósito de controlar o setor em tempo real e sem erros. Peça uma demonstração gratuita agora para provar a eficácia da ferramenta no seu negócio!

Deixe um comentário